Yoga auxilia o tratamento de depressão e transtorno de ansiedade durante a gestação

Em pleno século 21, é comum conhecermos pessoas que tem ansiedade, são nervosas, ficam muito preocupadas, lavam as mãos o tempo todo ou que ficam tristes sem nenhum motivo.
Essas pessoas podem estar sofrendo de depressão ou de transtorno de ansiedade. É muito importante que se tenha um tratamento especializado, com profissionais competentes para tratar do problema.
O transtorno de ansiedade ou de depressão pode afetar muito o bebê. Pois, se esses transtornos não forem tratados, podem acarretar ainda em um problema muito maior que é o caso de depressão pós-parto, ou até do bebê nascer prematuro ou não estar com o peso ideal.
As grávidas de primeira viagem, geralmente são as que mais sofrem de transtorno de ansiedade, por ser o primeiro filho, não sabem se irão dar conta de tudo, não entendem muito bem como que será a nova vida. E também, pode sofrer de depressão, quando o filho não é planejado, algumas mulheres não aceitam e é importante que tenha um acompanhamento psicológico.

Cuide da respiração

Na yoga, aprendemos a ter mais atenção com a respiração, e isso pode ajudar a deixar a mente mais aberta, leve dos pensamentos que a ansiedade acarreta. Sempre que se sentir ansiosa ou nervosa, irá começar a controlar a respiração e logo começara a ficar mais calma. E também, é importante na hora do nascimento. Pois, na hora de dar à luz, a gestante irá controlar a respiração e fazer força para que o bebê nasça.

Faça mais meditação

A meditação é fundamental para lidar com os sentimentos de estresse, raiva e ansiedade. A gravidez mexe muito com os hormônios femininos. O que gera mais irritabilidade, raiva, sono e ansiedade.
Com a meditação, a mente irá ficar mais relaxada, e consequentemente, você vai ter uma sensação de alívio, de paz e tranquilidade ao seu redor. Vai enxergar mais as coisas. E ver que o que te irritava antes, pode ser que não era um grande problema.

Pense mais nos outros

Com a ajuda da yoga, aprendemos a pensar mais no outro. Pois, a mãe se conecta diretamente com o bebê, durante os exercícios.  E com isso, ela deixa um pouco de lado o seu parceiro para viver o seu momento. É importante que nesse momento, a mulher e o seu parceiro façam juntos as atividades de Yoga. Para pensar e ver mais o outro. Criando então um vínculo muito forte, que é a família, a união. Que é o princípio básico da yoga.

Durma mais e melhor

Durante a gravidez, muitas mulheres ficam com sono o tempo todo, mesmo sem terem feito algum esforço. E sempre estão cansadas, não querem sair da cama. Com o tempo isso pode acarretar uma depressão, de não querer mais acordar.
A yoga ensina a ter mais controle da respiração e com a meditação, pode ajudar na insônia e até mesmo evitar uma depressão. Pois, com essa técnica, a gestante vai aprender a dormir melhor e a ter mais qualidade de sono.

Publicado por Angel Witt

Sou formada em Jornalismo pela Universidade Feevale. Sou uma eterna apaixonada pelo jornalismo. Algumas pessoas dizem que sou louca por correr atrás dos meus sonhos. Como diria Augusto Cury, no seu livro: " De gênio e louco, todo mundo tem um pouco".

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: